Close
Quero conhecer
Quero conhecer
Fábio Camarotti 09/02/2022 14:00:00 6 min leitura

Oportunidades para o varejo com embedded finance

Mesmo tendo apresentado uma diminuição do volume de vendas desde o início da pandemia da COVID-19, o varejo segue movimentando bilhões e sendo um dos principais setores da economia brasileira.  

 

Apesar de ser conhecido como um setor mais cauteloso para inovações, não é de hoje que observamos grandes empresas varejistas dos mais diversos segmentos utilizando o conceito de embedded finance para oferecer serviços financeiros não nativos de seus negócios para fomentar suas vendas, como os cartões nas lojas de departamento ou supermercados, por exemplo.

 

A tendência é que essas novas tecnologias e serviços financeiros se tornem a realidade das empresas do setor, independentemente do tamanho. Isso graças à evolução tecnológica e democratização do sistema financeiro que vem sendo promovida pelo Banco Central do Brasil, que culminou na criação de soluções como o Banking as a Service

 

Essas soluções permitem que empresas com qualquer modelo de negócio ofereçam suas próprias soluções financeiras e aproveitem o engajamento natural de sua base de clientes para a construção de seu próprio banco digital, sem se preocuparem com licenças bancárias ou em criar verticais de negócio específicas para a oferta de serviços financeiros. Isso ajuda a gerar uma melhor experiência para o consumidor que busca cada vez mais soluções tecnológicas que reúnam tudo em um só lugar e garantam eficiência e agilidade para o seu dia a dia.  

 

Além da criação de um banco digital, são várias as possibilidades de gerar eficiência operacional e financeira no varejo com as soluções de BaaS. Dentre elas, temos a construção das próprias soluções de cobrança e pagamentos sem depender de grandes sistemas de ERP; a alternativa dos clientes pagarem pelos produtos e serviços utilizando o próprio banco digital do varejista, ou seja, sem intermediários assim como todo o fluxo financeiro entre empresa e seus fornecedores incluindo a própria folha de pagamento do varejista.

 

São incontáveis as possibilidades que as soluções modulares de Banking as a Service, como as do Bankly, trazem para o mercado varejista. Desde contas digitais e emissão de cartões até serviços transacionais como TED, Pix, boletos e pagamentos de contas, tudo pode ser incluído na jornada do consumidor, contribuindo para uma relação mais próxima e duradoura. 

 

Para saber mais sobre as soluções do Bankly, entre em contato com nossos especialistas.   

Artigos relacionados